Programa de Gerenciamento de Riscos – PGR

Gerar melhorias e qualidade no ambiente de trabalho é indispensável para a sustentabilidade de empresas, mediante o cenário do mercado.

A NR-1, orienta sobre os preceitos para identificar‍, avaliar e implementar medidas de prevenção para as exposições ocupacionais identificados no PGR. Tais avaliações terão de ser incorporadas ao Inventário de Riscos do PGR.

A Gestão do PGR requer:

  1.  Inventário de Risco: que consiste em mapear os riscos físicos, químicos, biológicos, ergonômicos e de acidentes considerando o perigo e os riscos relacionados.
  2. Matriz de Risco: que deve considerar as variáveis para a classificar os riscos conforme sua frequência, severidade, probabilidade para quantificar o grau de risco. Observando indicadores de SST, como condições ambientais, número de colaboradores expostos, limites de tolerância, contaminação pelo ar, componentes das substâncias químicas, agentes patogênicos, questões ergonômicas, razões e consequências de atividades com riscos de acidentes, incluindo ocorrências emergências. Essa base de dados será usada para definir as prioridades e ações para o plano de ação.
  3. Plano de Ação: a ser estruturado para tratar e abrandar os riscos mais acentuados.

A partir desta conjuntura são elaborados documentos de SST, que vão compor as prioridades de segurança, saúde & bem-estar dos colaboradores da empresa conforme as políticas e estratégias de Gestão do PGR e do GRO da empresa.

Nosso webservice permite a integração a diversos e diferentes tipos de dados com distintos softwares, para transmitir, os layouts XML dos eventos de SST relacionados ao eSocial.

Com a entrada do eSocial em vigor, viveremos uma fiscalização eletrônica sem precedentes.

Fale com nossa equipe